Passo a passo: como juntar dinheiro para comprar uma casa!

Ter um bom planejamento financeiro é fundamental para viver com tranquilidade e garantir o pagamento das contas no fim do mês. Além da segurança do controle, é por meio de uma boa uma organização que você consegue enxergar as suas reais possibilidades de aquisição e, consequentemente, traçar as melhores rotas para o alcance dos seus sonhos.

Conquistar a casa própria é o desejo da maioria das pessoas, porém, é comum surgirem dificuldades nesse momento, seja por falta de recursos ou mesmo pela má administração dos rendimentos. Mas saiba que, com muita disciplina, alguns ajustes no orçamento e um bom planejamento financeiro, todos podemos atingir esse objetivo!

Adquirir um imóvel está nos seus planos? Continue a leitura e saiba como juntar dinheiro para comprar uma casa. Confira!

Tenha um objetivo claro

Ter consciência de onde quer chegar é o primeiro passo. Mas, para uma jornada de sucesso, é preciso ir além. Para isso, torne seu objetivo o mais claro possível.

Se você deseja comprar uma casa, também precisa definir:

  • o valor que está disposto a pagar;
  • a forma de pagamento — se vai optar pelo pagamento à vista ou financiar parte da compra;
  • o prazo para a efetivação da comprar.

Outra dica é refletir sobre os benefícios que serão conquistados além da aquisição do bem. Pense em todos os ganhos pessoais que essa compra representa para você. O propósito definido e a clareza dos ganhos pessoais vão funcionar como combustível para a realização da sua meta.

Controle seus gastos e elimine o que for desnecessário

Você sabe quanto gasta com restaurantes por mês? Essa resposta pode ser surpreendente, caso você não esteja controlando a distribuição das suas despesas.

Pequenos gastos somados causam um impacto considerável no fechamento das contas. Por isso, é muito importante que você tenha organização e monitore todas as suas despesas, sejam elas fixas ou variáveis.

Relacione suas receitas e seus gastos e coloque tudo no papel — ou melhor, em uma planilha. Use a tecnologia a seu favor e torne o processo mais prático e eficiente. Existem vários aplicativos e plataformas de controle financeiro pessoal gratuitos que podem facilitar a sua vida.

A dica é ter autocontrole e foco para acabar com as despesas que não sejam essenciais. Você verá como algumas aquisições que julgamos importantes em determinados momentos podem ser eliminadas sem maiores prejuízos.

Repense as mensalidades

Os gastos com energia elétrica, água, assinatura de TV a cabo, plano de internet e telefone estão condizentes com a sua realidade? É possível reduzir essas despesas?

É comum as operadoras desses serviços atualizarem os preços, tornado-os mais atrativos para novos clientes, e isso pode ser uma oportunidade para novos acordos, trazendo economia para suas contas. Portanto, fique de olho!

Aproveite o momento de ajustes e reveja se você realmente utiliza os serviços que contrata. Além disso, busque planos mais favoráveis em negócios recorrentes. Se você paga mensalidades de academia, por exemplo, confira as vantagens de planos semestrais e anuais — mas fique atento às multas de rescisão de contrato!

Reveja as opções de pagamento

Como você paga as suas compras? Tenha cautela com o uso do cartão de crédito e utilize-o somente em casos específicos, evitando ao máximo os parcelamentos. Eles costumam ser uma tentação para gastar e causam desequilíbrio no orçamento.

Já os pagamentos em dinheiro facilitam o controle dos gastos e ainda contribuem para economia. Muitos comércios oferecem bons descontos para esse tipo de pagamento, e isso vai fazer a diferença no fechamento das contas!

Reserve uma quantia mensalmente

Você costuma reservar uma parte dos seus rendimentos para investimento? Para alcançar metas financeiras, esse hábito é fundamental! Considere um percentual da sua renda líquida para aplicar na poupança ou em outro produto bancário. O importante é ter esse valor como uma despesas fixa mensal, ou seja, uma parcela a ser paga todo mês.

Poupar é uma regra básica para quem quer evoluir financeiramente. Estabeleça, no mínimo, 10% da sua renda e dê preferência às aplicações programadas automaticamente pelos bancos. Você não vai se arrepender!

Dê preferência ao “faça você mesmo”

Para conquistar nossos sonhos, precisamos sair da zona de conforto — e isso, na prática, requer mudanças na rotina e execução de tarefas.

São muitas as atividades que terceirizamos para facilitar nosso dia a dia, e sabemos que elas têm muito valor. Mas, quando temos objetivos maiores, abrir mão de algumas conveniências é uma medida que vai acelerar o alcance da sua meta.

Então, considere diminuir as despesas com serviços como:

  • lavagem de carro;
  • jardinagem;
  • faxinas;
  • comidas prontas;
  • pet shop.

Caso você tenha cônjuge e filhos, converse com eles a respeito da importância de participarem nessas atividades e como o resultado da economia vai ser excelente para todos.

Tornando a compra da casa um objetivo de todos, a sua jornada será mais leve e prazerosa!

Aumente a sua renda

Juntar dinheiro para comprar uma casa requer novas ideias e criatividade. Por isso, considere aumentar a sua renda por meio de atividades extras, investindo o seu tempo em algo que você saiba fazer bem e que possa ser vendido. É possível, por exemplo, alavancar a sua renda com a venda de lanches naturais, doces e artesanatos.

Você também pode oferecer serviços como freelancer dentro da sua área de atuação. No mercado, há várias plataformas online que promovem a integração do profissional com as empresas. Com o uso dessas ferramentas, é possível oferecer e entregar os seus serviços sem sair de casa!

Como você viu, disciplina, foco e autocontrole são essenciais para realizar o sonho da casa própria. Portanto, invista nas mudanças necessárias e conquiste de vez a sua meta. Afinal, ter uma propriedade é um avanço que vai além da conquista material — é uma realização pessoal que proporciona segurança, conforto e qualidade de vida.

Além disso, quando você adquire um imóvel, consequentemente fica livre do aluguel e pode contar com mais dinheiro para a realização de outras metas!

Agora que você já sabe como juntar dinheiro para comprar uma casa, siga-nos nas redes sociais e saiba mais sobre o universo imobiliário. Estamos no FacebookInstagramYouTube e LinkedIn!

Camila

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *